"— Mô.
— Oi bebê.
— Sabia que eu te amo?
— Sim.
— Convencido. E você, me ama?
— Não.
— Sério?
Ela faz cara de triste.
— Brincadeirinha amor.
Ele vai até ela, e senta ao lado dela.

— Então você me ama?
— Amo, mais que tudo.
— E se um dia você enjoar de mim? E se algum dia você mandar eu ir embora?
— Bebê, entenda que eu te amo, e que nunca enjoarei de você. E se algum dia eu mandar você embora, vou te pedir pra ajudar a pegar minhas coisas pra ir com você.
Ela sorri.
— Eu te amo, muito.
— Eu te amo mais, minha pequena."

Nenhum comentário

Postar um comentário

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger